Terça, 09 Agosto 2022

Telefone: 63 3214-1853 | Whatsapp: 63 98403-8418 | E-mail: [email protected]

Geral

Alvaro Vallim

Alvaro Vallim

Diretoras da Associação T21, estiveram na manhã desta quarta-feira, 12, reunidas com a primeira-dama da Assembleia Legislativa do Tocantins (ALETO), Virgínia Andrade.

O objetivo do encontro, como explicou a presidente da Associação, Diana Veloso, foi para apresentar a instituição que surgiu com intuito de levar informações para pais, familiares e amigos de portadores de síndrome de Down.

“Nossa proposta é oferecer acolhimento e auxiliar as famílias no processo de diagnóstico e recepção da notícia de um filho ou parente com síndrome de Down, sempre buscando fortalece-las”, explicou Diana. 

Segundo a secretária executiva da instituição, Rosileny Alves Bento, existe muita desinformação. “O momento do nascimento, da chegada do bebê, tanto a mãe, como a família, precisam de suporte, pois o futuro da criança vai depender de como ela é recebida ao mundo”, esclarece Rosileny.

Como ex-presidente da Apae de Porto Nacional, Virgínia Andrade, diz ter grande afinidade com a causa e de pronto se dispôs a ser parceira da Associação na capitação de recursos e apoio. 

“Eu conheço verdadeiramente a causa e percebo a falta de capacitação e informações. Vamos juntas buscar desenvolver alguns projetos e ampliar o conhecimento das pessoas sobre a síndrome”, disse Virgínia Andrade.

A Associação conta com aproximadamente 70 famílias associadas e possui um cronograma de eventos e capacitações para este ano. 

Na ocasião Virgínia recebeu um calendário da Associação. O calendário é vendido como forma de arrecadar recursos para realização dos eventos, mais informações podem ser conferidos no site: associacaot21.com.br.

 

Compartilhar nas redes sociais

Operação Phishing estima prejuízo de R$ 180 mil à Caixa Econômica Federal

 

A Polícia Federal deflagrou nesta terça-feira, 11, a Operação Phishing, visando desarticular organização criminosa envolvida em fraudes bancárias eletrônicas. Aproximadamente 30 policiais federais cumprem cinco mandados de busca e apreensão, expedidos pela 4ª Vara Federal de Palmas SJ/TO, nos municípios de Palmas/TO e Porto Nacional/TO.

A investigação teve início após apresentação do Relatório de Análise de Fraudes Bancárias, que identificou um esquema de fraude no pagamento do imposto Simples Nacional por empresas localizadas no estado do Tocantins, por meio de fraudes eletrônicas em prejuízo a contas bancárias da Caixa Econômica Federal, ocorridas entre 2016 e 2017. Estima-se que o montante do prejuízo à Caixa Econômica Federal seja de aproximadamente R$ 180 mil.

Os investigados devem responder pelos crimes de furto mediante fraude, organização criminosa e lavagem de dinheiro, cujas penas podem ultrapassar 26 anos de reclusão.

O nome da operação faz referência ao termo atualmente utilizado para descrever a aquisição de dados pessoais e financeiros de vítimas por meio de mensagens falsas na internet, bem como a palavra “fishing” em inglês (pescaria), uma vez que os principais alvos da operação são empresas de caça e pesca.

Compartilhar nas redes sociais

Com a presença de empresários, profissionais liberais, colaboradores e voluntários, o Leilão Pecuária Solidária realizou nesta sexta-feira, dia 7, o repasse de R$ 250 mil para a obra do Hospital de Amor do Tocantins, em construção em Palmas (TO). Esta é a primeira parcela de um total de R$ 701 mil obtidos pelo leilão, realizado em novembro do ano passado em Palmas e que serão direcionados a esta obra na capital do Estado.

Dos R$ 250 mil repassados nesta data, R$ 200 mil se referem a doações tradicionais do leilão. Outros R$ 50 mil foram obtidos, também por intermédio do Pecuária Solidária,  com a participação inédita de empresas do comércio palmense representadas pela Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) local. 

A entrega foi realizada no canteiro de obras da unidade de saúde, que é construída exclusivamente com recursos obtidos através de doações, em cerimônia conduzida pelo leiloeiro Eduardo Gomes, idealizador e responsável pelo Pecuária Solidária, e por Rubikinho de Carvalho, gestor do projeto “O Agro Contra o Câncer”.

Além de um cheque simbólico exibido durante o encontro, o comprovante de transferência bancária também foi apresentado aos participantes. “Nós do Hospital de Amor recebemos este repasse com muita satisfação e alegria porque ele ajudará, e muito, dar continuidade na construção do Hospital de Palmas”, disse Rubikinho de Carvalho, que recepcionou os convidados em visita pelas dependências do prédio.

Comércio Palmas

O presidente da CDL de Palmas, Silvan Portilho, falou com satisfação do engajamento do setor do comércio. "O comércio palmense acreditou nesta campanha e abraçou o propósito de gerar renda e ainda realizar uma grande ação social. Hoje entregamos o cheque para auxiliar nessa linda obra e o sentimento é de dever cumprido, de saber que o comércio palmense se sensibilizou e que as empresas associadas à CDL fizeram sua parte para ajudar nesta construção que vai salvar vidas e trazer ainda mais melhorias para nossa cidade”, disse.  

Doações

Durante a reunião, o leiloeiro Eduardo Gomes explicou, como já havia sido estabelecido pela comissão organizadora, como serão feitos os repasses. “À medida que os valores da comercialização das doações forem sendo liquidadas faremos o repasse. Isso porque a grande maioria destas vendas ocorreu com prazos diferenciados para pagamento. E para cada repasse tornaremos público à sociedade, como forma de prestar contas e como é tradição, darmos a devida transparência de nossas ações, disse. “Para nós do Pecuária Solidária, é uma grande satisfação contribuir com a construção do hospital, que será um marco no tratamento e prevenção do câncer no Estado”, complementou. 

Agro contra o Câncer 

Já, segundo Rubikinho, de Carvalho, este é o primeiro repasse que a obra recebe em 2020. “Terminamos o primeiro pavilhão que é o ambulatório. Estamos dando continuidade ao projeto à medida que os recursos chegam a nós. Temos várias emendas parlamentares para serem disponibilizadas e estas farão uma grande diferença porque são volumes maiores de recursos que irão permitir que aceleremos a construção dos novos pavilhões”, informou.

Rubikinho de Carvalho falou ainda sobre a satisfação do engajamento do meio rural com o projeto. “Eu como representante do Agro Contra o Câncer fico mais feliz ainda por ver o nosso setor rural que dá sustentação à economia do Brasil ser tão solidário aos pacientes de câncer que não tem condições de ter um tratamento digno e consequentemente ajudar de forma tão importante a construção do nosso Hospital do Tocantins”, comentou Rubikinho.

Ele fez questão de agradecer ao projeto do leilão pela iniciativa. “Parabenizamos e agradecemos ao leiloeiro Eduardo Gomes e toda sua equipe do Leilão Pecuária Solidária e também a todos que nos doaram, que compraram e que nos prestigiaram neste evento solidário”, finalizou.

Compartilhar nas redes sociais

Acontece nesta terça-feira, 4, às 14:30, a posse do novo procurador-geral do Ministério Público de Contas, José Roberto Torres Gomes. A solenidade terá lugar no auditório do Tribunal de Contas do Tocantins (TCE/TO) Brigadeiro Felipe Antônio Cardoso. Quem dá posse ao procurador-geral de Contas é o presidente do TCE/TO, conselheiro Severiano Costandrade.

O procurador José Roberto foi o mais votado na eleição que aconteceu no dia 25 de novembro e nomeado pelo governador do Estado, Mauro Carlesse, para o biênio 2020/2021. No ato de nomeação, José Roberto falou sobre a importância da continuidade no trabalho, com destaque para a parte de orientação aos gestores públicos.

“O Ministério Público de Contas não tem a visão de um órgão de fiscalização e punição. É preciso entender que orientar a gestão pública a aplicar os recursos com ações voltadas a melhorar a vida dos tocantinenses também faz parte do nosso trabalho”, ressaltou.

Compartilhar nas redes sociais

Na abertura do Ano Judiciário de 2020, o presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Dias Toffoli, disse, na manhã desta segunda-feira (3), que a Corte permanecerá “empenhada e destemida” em garantir os direitos fundamentais, as liberdades públicas, e moderar e pacificar os grandes conflitos do país, como forma de promover a segurança jurídica necessária à retomada do desenvolvimento.

O ministro Dias Toffoli afirmou que a força-motriz do STF neste ano será buscar a realização dos objetivos fundamentais da República previstos no artigo 3º da Constituição Federal: construir uma sociedade livre, justa e solidária; garantir o desenvolvimento nacional; erradicar a pobreza e a marginalização e reduzir as desigualdades sociais e regionais; e promover o bem de todos, sem preconceitos de origem, raça, sexo, cor, idade ou quaisquer outras formas de discriminação.

O presidente do Supremo destacou que manterá o diálogo institucional com os demais Poderes, com as instituições essenciais à Justiça e com a sociedade. “Se temos hoje uma democracia consolidada, na qual as liberdades públicas são exercidas amplamente e os direitos fundamentais são reafirmados, isso se deve, em grande medida, à solidez do nosso sistema de Justiça”, apontou.

De acordo com o ministro Dias Toffoli, o Judiciário brasileiro é um dos mais produtivos do mundo e avança continuamente em eficiência e celeridade. Citando o relatório “Justiça em Números de 2019”, citou que o número de processos em tramitação em todo o país, em 2018, reduziu em 1 milhão, rompendo com uma série histórica de quinze anos de contínuo aumento do acervo.

“O Poder Judiciário nacional apresentou os maiores índices de produtividade dos últimos 10 anos. Foram proferidas 32 milhões de sentenças terminativas; 1.877 casos baixados por magistrado. Os resultados alcançados devem-se à dedicação e ao trabalho diário e incansável dos 18.141 magistrados, 272.138 servidores, 73.926 colaboradores terceirizados, 64.609 estagiários e 21.361 conciliadores, juízes leigos e voluntários, que compõem a enorme força de trabalho do Poder Judiciário brasileiro”, salientou.

O presidente do STF observou que os números alcançados em 2019 refletem o compromisso da Corte em uma prestação jurisdicional eficiente. “Estamos decidindo mais, em menos tempo e baixando mais processos. Tudo isso a despeito da diminuição real de 20% no orçamento da Corte nos últimos 10 anos, evidenciando o uso mais eficiente dos recursos públicos. Encerramos 2019 com o menor acervo dos últimos 22 anos, com 31 mil processos”, disse.

Segundo o ministro Dias Toffoli, o Supremo enfrentará, em 2020, uma série de temas de relevância nacional, como a incidência de ICMS na base de cálculo do PIS/Cofins, o preço mínimo para o transporte rodoviário de cargas, a distribuição dos royalties de petróleo, ações contra a Reforma Trabalhista e a Minirreforma Eleitoral.

O presidente do Supremo ressaltou ainda políticas públicas formuladas e implementas pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ) para impulsionar o processo de modernização administrativa, judicial e tecnológica do Judiciário brasileiro, como a melhoria e a expansão do Sistema Eletrônico de Execução Unificado e do Sistema de Processo Judicial Eletrônico (PJe).

Estiveram presentes na sessão solene o vice-presidente da República, Hamilton Mourão, os presidentes do Senado, Davi Alcolumbre, e da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, ministros aposentados do STF, presidentes dos tribunais superiores, ministros do Executivo e integrantes das Forças Armadas, do CNJ e de associações de magistrados.

- Leia a íntegra do discurso do ministro Dias Toffoli.

Compartilhar nas redes sociais

Um vídeo captado pela câmera de segurança de um restaurante mostra o momento em que o empresário Elvisley Costa de Lima foi baleado e morto dentro dentro do próprio carro na manhã da última sexta-feira, 24, num estacionamento da avenida Palmas-Brasil, na região centro-sul de Palmas(TO). As imagens mostram que o criminoso estacionou a motocicleta na passagem entre a avenida e a parte interna da quadra 704 Sul, ele desce e caminha até o veículo estacionado.

Com a caminhonete ainda com os vidros fechados, o assassino fez os disparos contra ElvisLey. O atirador permanece todo o tempo de capacete. Em seguida, o homem retorna à motocicleta e foge. A moto usada por ele está no contra luz e não é possível ter certeza da cor.

O atirador usava uma blusa cinza de manga longa, calça jeans azul e um capacete vermelho. O restaurante estava fechado no momento do crime, mas a padaria que fica ao lado funcionava normalmente e funcionários presenciaram o crime.

O outro homem que estava no carro saiu logo após os disparos e caiu no chão atrás do veículo, mas o assassino passa direto por ele antes de fugir. Ele tem 36 anos e já foi ouvido pela polícia. Além desta testemunha e dos funcionários da padaria, parentes da vítima também prestaram depoimento para que a polícia possa entender melhor como era a rotina do empresário.

Durante todo o dia buscas pela motocicleta que aparece nas imagens foram feitas em várias regiões de Palmas. Ainda não é possível saber se ela foi roubada antes do crime. As investigações estão com a Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa de Palmas. O velório do empresário é na Câmara Municipal de Palmas.

Especulações

Muitas pessoas especulam os motivos que teriam levado alguém a contratar a morte de Elvisley Costa de Lima, que além das atividades empresariais na área de agronegócios, também trabalhava com eventos. As hipóteses mais difundidas é que o crime estaria relacionado a dívidas de dinheiro. 

Veja também - Empresario é assassinado na Avenida Palmas Brasil em Palmas

https://www.agora-to.com.br/policia/item/157409-empresario-e-executado-em-estacionamento-da-quadra-704-sul-em-palmas

Compartilhar nas redes sociais

No dia em que o crime da Vale em Brumadinho completa um ano (25 de Janeiro), o MST realizou um ato político junto com a Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) e organizações da Frente Brasil Popular. Em homenagem às vítimas, será lançado o Plano Nacional “Plantar árvores, produzir alimentos saudáveis”, que propõe plantar 100 milhões de mudas em 10 anos.

O Plano é a resposta do Movimento, diante da conjuntura de entrega do Brasil aos estrangeiros e da devastação ambiental que é ignorada pelo governo Bolsonaro. “É dever de todo aquele que acredita num mundo melhor mostrar sua indignação no dia 25. A igreja e os lutadores e lutadoras do povo se dispuseram a fazer desse dia, um dia de luta contra o modelo de mineração que mata. Por isso, apontamos um outro projeto para o campo, um outro projeto de sociedade, no qual nossos bens naturais sejam preservados e as pessoas tenham acesso aos alimentos saudáveis que nós produzimos”, afirma Silvio Netto, da direção nacional do MST.

O ato tem início às 13 horas com a Marcha do MST em Brumadinho, em seguida será plantada a primeira muda do Plano. Às 17 horas, o arcebispo de Belo Horizonte e presidente da CNBB, Dom Walmor, preside a Santa Missa em memória às vítimas da Vale. A programação encerra com o Ato Cultural da Frente Brasil Popular, às 19h.

O MST tem denunciado o modelo predatório da mineração desde as lutas das mulheres no 8 de março e as primeiras ocupação das áreas de mineradora MMX, em 2017. No entanto, a empresa age com a certeza da impunidade, visto que ela calculou o preço de cada uma das 272 vítimas antes do rompimento da barragem em Brumadinho.

“A Vale tem um poderio muito grande nos governos, no Estado e também nos veículos de comunicação. Ela usa de uma estratégia de cooptação de algumas comunidades, mas diante da contradição toda que foram os dois crimes se abre a possibilidade da luta popular se sobrepor a tudo isso. E é na luta popular que vai ser superada essa impunidade”, aponta Netto.

Agroflorestas no Rio Doce

No Vale do Rio Doce, o plantio de árvores teve início com o projeto de recuperação das áreas de Reforma Agrária atingidas pelo crime da Vale em Mariana. Através da Fundação Renova, responsável pela recuperação da Bacia, os assentados estão recebendo assistência técnica para fazer o planejamento dos lotes e plantar agroflorestas. Esta é uma técnica de produção agroecológica que permite produzir alimentos sem o uso de agrotóxicos e ao mesmo tempo reflorestar a terra.

“A Vale atingiu 23 assentamentos do MST na Bacia do Rio Doce, com o crime que cometeu em Mariana. E mais de mil famílias acampadas foram atingidas na beira do Rio Paraopeba com o crime que ela cometeu há um ano em Brumadinho. O MST reivindica o direito dessas famílias”, explica Netto.

Os projetos em andamento na Bacia do Rio Doce visam o reflorestamento de 5.266 hectares em 10 anos, principalmente em áreas de recargas hídricas e de preservação permanente. Com a assistência técnica para as famílias que foram atingidas, destes hectares, 2.500 serão agroflorestas. E na área da educação, está em vias de ser aprovada a proposta para que os agricultores estudem agroecologia a partir do método cubano Camponês a Camponês.

“Para nós, a maior pena que a Vale pode pagar, porque ela tem que ser condenada a pagar, é ter que fortalecer um modelo antagônico a esse modelo que ela hegemoniza, que é o da mineração e dos crimes. Portanto, nós temos feito as lutas para garantir que essa reparação dos crimes seja feita com agroecologia, com educação do campo, com acesso à água, a alimentos saudáveis. Que a justiça seja feita com a Reforma Agrária Popular”, destaca o dirigente. (Da página no MST)

Compartilhar nas redes sociais

Um release da Secretaria de Saúde do Estado do Tocantins, distribuído neste sábado, 18, aponta que há leitos disponíveis nas 18 unidades hospitalares de responsabilidade do Governo do Estado. A informação, segundo o Governo, foi registrada pela primeira vez nos painéis de controle da Secretaria de Estado da Saúde (SES) desde que foram instalados. 

Os dados podem ser acessados pelo cidadão no endereço eletrônico http://sistemas.saude.to.gov.br/paineis_ocp/index.php?actAppBase=b2N1cGFjYW89b2N1cGFjYW9faG9zcGl0YWlz e são resultados da implementação dos fluxos e do giro dos leitos. Embora a demanda seja espontânea por necessidade, a gestão tem trabalhado no intuito de alcançar, com maior frequência, melhores resultados.

Segundo o titular da SES, Edgar Tollini, os números refletem o trabalho conjunto das equipes e contínuo planejamento e comprometimento da gestão, melhorando os critérios de inclusão (entrada) e alta, bem como o abastecimento regularizado. "Um trabalho que aos poucos vem transformando a saúde pública do Estado".

Edgar Tollini enfatizou ainda um outro recorde alcançado pela SES. "Na Unidade de Assistência de Alta Complexidade em Oncologia (Unacon) do Hospital Geral de Palmas (HGP) foram infundidas e manipuladas 53 quimioterapias no dia 16 de janeiro deste ano, quando todos os pacientes entraram e nenhum ficou pro dia seguinte", comemorou.(Com informações da Secretaria Estadual de Saúde)

Compartilhar nas redes sociais

A semana nas redes sociais foi movimentada por uma declaração do ministro da Educação, Abraham Weintraub, sobre temido "kit gay". A enxurrada de comentários sobre o assunto foi porque ele destacou que o Ministério da Educação (MEC) "busca justamente valorizar o papel da família com as crianças pequenas nesses primeiros momentos. Sai o kit gay e entra a leitura em família", disse o ministro na última terça-feira (7). Isso tudo, sem o mínimo constrangimento de que este assunto já foi classificado pelos veículos de comunicação como Fake News.

Em 2004 foi lançado o projeto Escola sem Homofobia, que estava dentro do programa Brasil sem Homofobia, do governo federal. Neste projeto, o objetivo era a formação de educadores, e nunca chegou a ser cogitada a distribuição qualquer material para alunos. O programa sequer foi colocado em prática.

Notícia falsa

Durante período eleitoral de 2018, o então candidato à presidência, Jair Bolsonaro, durante uma entrevista ao vivo à TV fez uso do livro "Aparelho Sexual e Cia - Um guia inusitado para crianças descoladas", do suíço Phillipe Chappuis, publicado no Brasil pela Companhia das Letras. Bolsonaro afirmou na época que este livro era do "kit gay", sem dizer qual era o verdadeiro projeto. Este livro, porém, nunca fez parte do projeto Escola Sem Homofobia.

O ministro do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Carlos Horbach, à época, determinou a suspensão de links de sites e redes sociais com a expressão “kit gay”.

A representação tinha como alvos o então presidenciável do PSL e seus filhos Flávio Bolsonaro, e Carlos Bolsonaro. Eles reproduziram conteúdo que afirmava que o livro Aparelho Sexual e Cia tinha sido distribuído em escolas públicas pelo Ministério da Educação quando Haddad era o ministro da pasta.

Durante a eleição, a pesquisa IDEIA Big Data/Avaaz revelou que 83,7% dos eleitores de Jair Bolsonaro acreditaram na informação de que Fernando Haddad distribuiu o chamado kit gay para crianças em escolas. (Com informações do Congresso em Foco)

Compartilhar nas redes sociais

O corpo da jovem Denise Ribeiro Miranda, de 21 anos, foi encontrado próximo à cidade de Almas, a 299 quilômetros de Palmas, na região sudeste do Tocantins. De acordo com a Polícia Militar (PM), o corpo dela estava em uma estrada que dá acesso à pista de pouso para aviões, na saída da cidade.

Informações da Polícia Militar dão conta que um morador que passava no local viu o corpo e chamou os militares por volta das 15h deste domingo (5). A PM informou que a vítima estava com as roupas sujas e o corpo estava entrando no estado de decomposição.

No local não foi possível identificar marcas de agressão e a suspeita é que ela tenha sido morta no dia anterior, sábado (4).

Após a localização, o lugar foi isolado para realização de perícia e o corpo de Denise foi levado ao Instituto Médico Legal (IML) de Natividade. Depois foi transferido à unidade de Palmas, onde vai passar por exames que vão identificar as causas da morte.

O caso é investigado pela Polícia Civil.

Compartilhar nas redes sociais
Página 10 de 11

Notícias em destaque

O Portal Agora-TO é um site de notícias voltado para a divulgação de informações do Tocantins e do Brasil e é editado sob a responsabilidade da Moara Comunicação Ltda, empresa sucessora da Dias e Vallim Ltda., com 23 anos de experiência na área de comunicação e jornalismo.

Newsletter

Cadastre-se em nosso Newsletter e receba em seu e-mail as principais notícias e novidades do Agora Tocantins.

Fique tranquilo, seu e-mail estará 100% protegido. Odiamos spam!

RSS 2.0