Terça, 05 Julho 2022

Telefone: 63 3214-1853 | Whatsapp: 63 98403-8418 | E-mail: [email protected]

Goiás

Inauguradas 1ª e 2ª UPJ das Varas Criminais dos crimes punidos com reclusão da comarca de Goiânia

Publicado em: Terça, 03 Mai 2022 15:26 Escrito por Carolina Dayrell
Avalie este item
(0 votos)
As unidades serão coordenadas pela juíza Suelenita Soares Correia, e pelo juiz Everton Pereira Santos, respectivamente Créditos da imagem: Wagner Soares As unidades serão coordenadas pela juíza Suelenita Soares Correia, e pelo juiz Everton Pereira Santos, respectivamente

Foram inauguradas nesta segunda-feira (2) a 1ª e a 2ª Unidade de Processamento Judicial (UPJ) das Varas Criminais dos crimes punidos com reclusão da comarca de Goiânia. As unidades serão coordenadas pela juíza Suelenita Soares Correia, e pelo juiz Everton Pereira Santos, respectivamente. O presidente do Tribunal de Justiça do Estado de Goiás (TJGO), desembargador Carlos França, foi representado na solenidade pelo juiz auxiliar da Presidência, Reinaldo de Oliveira Dutra, que contou também com a participação do diretor do Foro da comarca de Goiânia, juiz Heber Carlos de Oliveira.

 O presidente do TJGO, desembargador Carlos França, já havia destacado que a UPJ é uma nova forma de trabalho implantada no Poder Judiciário, que otimiza os recursos humanos, a infraestrutura física e padroniza o cumprimento dos atos, principalmente os comandos que vêm direto dos gabinetes dos magistrados para o cumprimento de despachos, decisões e sentenças. "Tudo isso tem agilizado o andamento processual e dado uma resposta no menor tempo possível às partes," ressalta o chefe do Poder Judiciário. 

Durante a solenidade de inauguração, que aconteceu no Fórum Criminal,  Reinaldo Dutra parabenizou a juíza Suelenita Soares Correia e o juiz Everton Pereira Santos pela coordenação das 1ª e 2ª UPJ's das Varas Criminais dos crimes punidos com reclusão da capital, e destacou que o objetivo da UPJ é “aprimorar a entrega da prestação jurisdicional, com a centralização dos cumprimentos de atos judiciais junto às escrivanias, por meio da padronização dos procedimentos de trabalho e da otimização das rotinas, gerando um ganho de produtividade e redução de tempo de entrega da prestação jurisdicional." O juiz auxiliar da Presidência também salientou que “as equipes de juízas, juízes, servidoras e servidores da área criminal estão tecnicamente habilitadas para adotar os procedimentos das UPJ’s, também em função do conhecimento adquirido e das rápidas transformações nas rotinas de trabalho recentemente vivenciadas na pandemia”.

O diretor do Foro da comarca de Goiânia,  juiz Heber Carlos de Oliveira (foto abaixo), ressaltou que o Poder Judiciário goiano tem profunda gratidão e reconhecimento pelos servidores que vão atuar nas UPJ’s e que “desde o início do projeto demonstraram comprometimento e seriedade em busca das melhores práticas para o desempenho das atividades".


O juiz auxiliar da Corregedoria-Geral da Justiça do Estado de Goiás (CGJGO), Gustavo Assis Garcia, na ocasião representando o corregedor-geral da Justiça do Estado de Goiás, desembargador Nicomedes Domingos Borges, lembrou que o sucesso da iniciativa em outras áreas, como de Família e Juizados de Violência Doméstica e Familiar contra a Mulher, aprimoraram ainda mais as técnicas e procedimentos no cumprimento dos atos judiciais. “A ideia da implantação das UPJ’s parte do pressuposto da concentração e especialização dos atos, no contexto da organização interna da serventia, com o objetivo de produzir mais e com mais qualidade," destacou Gustavo Assis.

 Projeto inovador

Para a coordenadora da 1ª UPJ das Varas Criminais dos crimes punidos com reclusão da comarca de Goiânia, juíza Suelenita Soares Correia, “o projeto de implantação da UPJ na área criminal é inovador e renderá bons frutos à sociedade, por meio da prestação jurisdicional mais célere e efetiva".

O coordenador da 2ª UPJ das Varas Criminais de Goiânia, juiz Everton Pereira Santos, agradeceu pela confiança depositada pelo presidente do TJGO, desembargador Carlos França, e ressaltou que o dinamismo do projeto é motivador, sendo as palavras-chaves a padronização e produtividade. “Temos boas experiências em unidades anteriores que, aliado ao engajamento das equipes, vai refletir em resultados positivos para os jurisdicionados e os demais participantes do sistema de Justiça”, destacou Everton Pereira.

Diálogo interinstitucional

Para o vice-presidente da Ordem dos Advogados do Brasil - Seção Goiás (OAB-GO), advogado Thales Jayme, a atual administração do Poder Judiciário Estadual, liderada pelo desembargador Carlos França, tem desempenhado suas funções com seriedade e dinamismo, entregando resultados efetivos aos jurisdicionados goianos. “A criação das UPJ’s nas varas criminais é uma iniciativa inovadora e visionária que resultará em celeridade na entrega da prestação jurisdicional”.

“É uma honra para a Defensoria Pública do Estado de Goiás integrar este diálogo interinstitucional em um projeto tão relevante para a Justiça de Goiás”, ressaltou o primeiro subdefensor público-geral de Goiás, Tiago Gregório, também presente na solenidade.

Ainda estiveram presentes na solenidade de inauguração, o juiz auxiliar da CGJGO, Altair Guerra da Costa, e os juízes Denival Francisco da Silva, Alexandre Bizzoto, Luís Henrique Lins Galvão, Donizete Martins de Oliveira, Ricardo Prata, André Reis Lacerda, João Divino Moreira Silvério Souza e Rogério Carvalho Pinheiro, bem como o diretor-geral do TJGO, Rodrigo Leandro da Silva, o diretor-geral de Administração Penitenciária (DGAP), Josimar Pires Nicolau do Nascimento, e o capitão da Polícia Militar de Goiás (PMGO), Antônio Barnabé. 

Compartilhar nas redes sociais

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.

Notícias em destaque

O Portal Agora-TO é um site de notícias voltado para a divulgação de informações do Tocantins e do Brasil e é editado sob a responsabilidade da Moara Comunicação Ltda, empresa sucessora da Dias e Vallim Ltda., com 23 anos de experiência na área de comunicação e jornalismo.

Newsletter

Cadastre-se em nosso Newsletter e receba em seu e-mail as principais notícias e novidades do Agora Tocantins.

Fique tranquilo, seu e-mail estará 100% protegido. Odiamos spam!